quinta-feira, 31 de agosto de 2017

F2400 o novo micro da Caio Induscar



Empresa:  Caio Induscar
Carroceria: Caio Induscar F2400 - Versão urbana (foto)
Chassi:  Agrale, MAN-VW, Mercedes-Benz entre outros
Foto(s):  Caio Induscar - Divulgação.


A Ética em Primeiro Lugar!
Obras de Livre Circulação Desde Que Respeitada
Os Direitos Autorais Fotograficos de Seus Autores

Postagem de João Manoel da Silva
(Equipe Litoralbus)

F2400 da Caio Induscar é lançado na Transpúbblico 2017

F2400 da Caio Induscar é lançado na Transpúbblico 2017











A Caio Induscar, lançou na Transpúblico 2017  (de 29 a 31/08) , o micro-ônibus F2400, em substituição ao Foz, nas versões urbana e executiva.

Nas duas versões, o design arrojado e moderno, com formas arrendondadas e aerodinâmicas da dianteira e traseira, confere ao F2400 a imponência e força carcaterísticas dos produtos da Caio. O para-brisa, com ampla área de visiilidade, contribui para um melhor campo de visão do motorista. O conjunto óptico, com novos elementos e intercambiáveis com outros modelos da marca, prioriza o melhor custo benefício, caso seja necessária a reposição.

Adequado às novas normas, o F2400 possui DRK (farol de rodagem diurna) em LED,o que proporciona eficácia e durabilidade superiores. Na versão urbana, possui lanternas em LED, mas duráveis, e com baxo custo de substituição. Já na versão executiva, possui  bloco óptico único, com tecnologia de luz homogênea, conferindo maior sofistiação e tecnologia ao modelo.

O interno do veículo possui conjunto do painel e cofre do motor com novo design, proporcionando conforto térmico e acústico aos usuários, com base que reveste todo o patamar do motorista, minimizando a entrada de calor e ruídos. Além disso, seu novo design facilitou o acesso do motorista aos instrumentos. Já a central elétrica, embutida na base no painel, possibilita amplo acesso à manutenção.

Alguns opcionais na versão executiva, são: degraus do veículo com iluminação em led embutida, ar condicionado, bagageiros com proteção de mala, calefação, calotas, sanitário, dentre outors.

Dimensões (mm)
Comprimento Total: 8.755 a 9.010
Largura Externa: 2.400
Altura Externa: 2.950 | 3.100 com AC
Altura Interna: 2.000

Aplicações
Urbano | Escolar | Executivo
Chassis
Agrale, MAN-VW, Mercedes-Benz e outros

Micros em produção:
Atilis (2007 - presente)
Foz 2013 (2013 - presente)
Mini Foz (2008 - presente)
F2400 (2016 - presente)

Micros extintos
Verona (1969 - 1974)
Andino (1973 - 1981)
Carolina I (1974 - 1984)
Carolina 1984 (1984 - 1995)
Mobile (1993 - 1995)
Carolina 1995 (1995 - 2000)
Piccolo (1997 - 2006)
Piccolino (1997 - 2005)
Bambino (2002)
Foz 2400 (2005 - 2013)
Foz 2200 (2008)



Fotos: Caio Induscar - Divulgação
Fonte: Ônibus Paraibanos

Postagem: João M da Silva (Equipe Litoralbus)

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Vitória recebe mais Induscar Caio Apache Vip 0km












Vitória recebe mais Induscar Caio Apache Vip 0km

A empresa Vitória recebeu em sua garagem mais 5 novos ônibus pra complementar a renovação de frota deste ano.

Os ônibus de prefixo 0361349 e 0361353 são equipdos com ar condicionado e suspensão pneumática que amortece os impactos causados pela instabilidade da via transitável do Ceará. A empresa da família Guimarães escolheu o chassi Mercedes-enz OF-1721L sob Caio Apache Vip IV, modelo que alavancou as vendas da Caio no Ceará. A Equipe MOB Ceará foi no dia 29/08/2017 na empresa fotografar os novos ônibus adquiridos.

Fonte: MOB Ceará
http://www.mobceara.com/

Divulgação e Postagem: João Manoel da Silva
Equipe Litoralus

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Novo ônibus para Viação Garcia






Viação Garcia
Marcopolo G7 Paradiso1600LD
 Mercedes-Benz BlueTec5
Fotos: Marcopolo - Divulgação


Postagem de João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus

TRANSPÚBLICO. MAN apresenta 17.260 ODS



TRANSPÚBLICO. MAN apresenta 17.260 ODS, o ônibus com motor dianteiro e suspensão pneumática

Para esta edição da Transpúblico, feira de mobilidade urbana que vai desta terça-feira, 29, até quinta,31, no ExpoTransmérica, na zona Sul de São Paulo, a fabricante apresenta como novidade o modelo 17.260 ODS, ônibus de motor dianteiro, seis cilindros, com suspensão pneumática e 260 cavalos de potência.



E se o modelo seguir o caminho do seu “irmão menor” com suspensão pneumática, o 17.230 ODS, as perspectivas são boas.



Matéria: Adamo Bazani
Fonte: Diario do Transporte
Fotos: Divulgação  e Luciano Tavares
Postagem: João M da Silva
Equipe Litoralbus

TRANSPÚBLICO: Novo micro F2400 da Caio



TRANSPÚBLICO: Novo micro F2400 da Caio incorpora elementos da atual geração de ônibus maiores da marca

Caio vai apresentar na Transpúblico, feira de mobilidade urbana que começa nesta terça-feira, 29/08/2017, no Expo Transamérica, na zona sul da capital paulista, um novo modelo de micro-ônibus: F2400.

Com o modelo, a empresa com sede em Botucatu, no interior paulista, quer ampliar a participação nesse segmento de veículos urbanos, cuja concorrência é ainda mais acirrada do que na fatia de mercado para encarroçamento de chassis de 15 ou 17 toneladas.

O F2400 incorpora conjuntos óticos que se inspiram na atual geração do modelo maior, o Apache Vip, mas com dimensões e angulações voltadas para micro-ônibus.

Numa das versões de mais categoria, o veículo possui vidros colados e ar-condicionado. O equipamento tem sido exigência por parte do poder público em diversos sistemas de transportes, como da capital paulista, onde a Caio possui forte presença no subsistema estrutural, das viações com linhas e ônibus maiores, mas que enfrenta mais concorrência no subsistema local, das ex-cooperativas.

O Rio de Janeiro também é visto como mercado promissor pelo TAC – Termo de Ajustamento de Conduta entre o Ministério Público e a prefeitura que previa 100% da frota com refrigeração até 2016, o que não foi cumprido e ainda rende polêmicas, inclusive em torno das tarifas.

O modelo que deve ser apresentado será encaroçado sobre chassi MAN/Volskwagen, mas haverá possibilidade de encarroçamento em plataformas de outras marcas.

Matéria: Adamo Bazani
Fonte: Diario do Transporte
Fotos: Divulgação
Postagem: João M da Silva
Equipe Litoralbus

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

TRANSPÚBLICO: Caio e Volvo lançam ônibus BRT de 15 metros com motor dianteiro





TRANSPÚBLICO: Caio e Volvo lançam ônibus BRT de 15 metros com motor dianteiro


Caio Induscar Millennium BRT (2017) – Volvo B270F (2017) , com motor frontal e 15 metros de comprimento. O veículo terá eixo traseiro direcional para facilitar as curvas mais fechadas e manobras em terminais e garagens.

A versão que será apresentada também conta com ar-condicionado e portas à esquerda. indicada, por exemplo, para corredores BRT ou expressos comuns

A Transpúblico, feira do transporte público que começa nesta terça-feira, 29/08/2017, no Expo Transamérica, em Santo Amaro, na zona sul da capital paulista


Texto: Adamo Bazani
Fotos: Matheus Lucas, Lenadro Matos e Diego Henrique.

Divulgação  e  Postagem: João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus 

JTP Transportes - Escolar Novo


JTP Transportes - Escolar Novo

No caminho até o conhecimento, uma boa companhia é o Marcopolo Senior Escolar entregue à empresa JTP Transportes, de Barueri-SP.  Foram 35 unidades dos microônibus MAN-Volkbsbus 9.160 OD têm motor Cummins ISF de 3,8 litros e caixa de transmissão ZF 5S 420 de cinco marchas.


Texto e Foto: Marcopolo
Divulgação e Postagem de João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus

Guerino Seiscento 0217 - 0KM


Guerino Seiscento 0217 - 0KM


A empresa Guerino Seiscento, de Tupã/SP, incluiu à sua frota mais um Paradiso 1800DD para uso em rotas estaduais e interestaduais.

Empresa: Guerino Seiscento
Prefixo: 0217
Carroceria: Marcopolo G7 Paradiso 1800 Double Decker
Chassi: Scania K400IB6X2

Fotos: Marcopolo
Divulgação e Postagem de João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus

domingo, 27 de agosto de 2017

Defensoria Pública do Estado de São Paulo quer tirar trólebus de Santos por falta de acessibilidade


Defensoria Pública do Estado de São Paulo quer tirar trólebus de Santos por falta de acessibilidade

Nesta semana (20 a 26/08/2017), o setor de transportes de Santos, no litoral paulista, foi marcado pela inclusão de um micro-ônibus 100% elétrico, que se move com auxílio de baterias, e o retorno do sistema de trólebus, ônibus elétricos conectados à rede aérea.

Os trólebus, que não emitem nenhum tipo de poluição durante a operação, ficaram em torno de 15 meses sem funcionar por causa da extensão da rede aérea do VLT – Veículo Leve sobre Trilhos, que liga Santos a São Vicente, e é operado pela BR Mobilidade, do Grupo Comporte, que também é proprietário da Viação Piracicabana, responsável pelo circulação dos trólebus, hoje restritos à linha 20, que liga a praça Mauá, no Centro, à praça da Independência, no Gonzaga.

O retorno desses veículos foi comemorado por associações de defesa do meio ambiente e mobilidade, como Respira São Paulo e Defesa do Trólebus, entretanto, após uma fonte jornalística entrar em contato com exclusividade com o Diário do Transporte, a reportagem descobriu que a Defensoria Pública do Estado de São Paulo quer na Justiça tirar os seis trólebus de operação.

O motivo alegado pelos defensores em processo judicial contra o município de Santos, tendo como parte interessada a CET – Companhia de Engenharia de Tráfego de Santos, responsável pelo gerenciamento do sistema de transportes, é que os trólebus não possuem acessibilidade para pessoas portadoras de deficiências e restrição de locomoção, como piso baixo ou elevadores.

O processo corre desde janeiro deste ano, mas na última segunda-feira, 21 de agosto de 2017, houve uma decisão por parte da 2ª Vara da Fazenda Pública de Santos.

A juíza Patrícia Naha negou tutela antecipada para a retirada dos trólebus. Isso não significa que os trólebus estejam assegurados, apenas que a magistrada negou urgência na decisão, entretanto, o processo tem tramitação prioritária.

Na decisão, Patrícia Naha cita que a expansão do VLT provou que a Viação Piracicabana já tem condições de colocar outros veículos no lugar dos trólebus.

A Prefeitura de Santos tem esta semana que entra ainda para dar resposta na ação.






HISTÓRIA:

Os primeiros trólebus em Santos começaram a operar em 12 de agosto de 1963. Chegaram inicialmente cinco veículos de um lote de 50 do modelo Fiat Alfa-Romeo Marelli Pistoiese, importados da Itália.

As unidades pertenciam ao poder público por meio do Serviço Municipal de Transportes Coletivos SMTC, que em 1976 foi substituído pela Companhia Santista de Transportes Coletivos – C.S.T.C., também uma empresa pública.

Os atuais seis trólebus operados pela Viação Piracicabana são fabricados pela Mafersa e foram comprados pela – C.S.T.C. em 1987, sendo destinados para a linha 20.

As linhas de trólebus começaram a ter redução significativa na cidade a partir dos anos 1990, quando a C.S.T.C. enfrentava problemas financeiros e de gestão.

De mais de dez linhas, o sistema foi reduzido apenas para o trajeto da linha 20.

Em 1998, com a extinção das operações da C.S.T.C., a Piracicabana assumiu os seis trólebus Mafersa.

Para a implantação da rede aérea do VLT – Veículo Leve sobre Trilhos, os seis trólebus Mafersa deixaram de operar ainda no primeiro semestre de 2016. A fiação do VLT cruzava com a do trólebus.

Após a compra de uma peça importada da República Tcheca por 20 mil euros, que permite o cruzamento das duas redes aéreas, os trólebus tiveram condições de retornar em agosto de 2017.

Fonte:> Diario do Transporte 
Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes
Foto de Eduardo Pallares
Divulgação e Postagem de João M da Silva
Equipe Litoralbus.

Zero 13 Transportes 1701




Zero 13 Transportes e Serviços
Prefixo: 1701
Carroceria: Marcopolo G6 Viaggio 1050
Chassi: Volksbus 17.260 EOT
Local: Itanhaém-SP (agosto/2017)
Fotos de Clóvis Silva e Ricardo Luiz


Postagem de João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus

VLT - Estação Porto






Fotos e Postagem de João Manoel da Silva
Equipe Litoralbus

Bredas a venda

2601 - 2628 - 2595 - 2590

2592

2595 e 2590

2597, 1078 e 4154

2601 e 2628


2605



2615 e 2599


2620

2622

2652

2592 e 2652

Bredas a venda

Em 15 de junho de 2017 retornaram da garagem de Itanhaém-SP, 15 (quinze) ônibus desativados para manutenção geral, onde foram preparados para venda. Foram 13 Marcopolo Ideale 770 Mercedes-Benz OF-1418 ano 2009 (2590, 2592, 2595, 2597, 2598, 2599, 2601, 2605, 2615, 2620, 2622, 2628 e 2652) e 2 Marcopolo G6 Viaggio 1050 Mercedes-Benz O-500M ano 2006 (1078 e 1095).


Local das fotos: Cubatão/SP (Garagem)
Fotos de João Manoel da Silva

Divulgação e Postagem:Equipe Litoralbus